Google+

«

»

fev 21 2016

5 Motivos para você assistir LOVE, a nova série de comédia romântica da Netflix

No último dia 18, nossa querida Netflix estreou mais uma série original, e desta vez o gênero foi a comédia romântica. Nós(eu) já vimos todos os 10 episódios desta primeira temporada, e agora a gente elenca 5 motivos principais pelos quais vocês, queridos leitores, devem juntar este título ao seu já abarrotado portfolio de seriados. Vamos lá?

1- 99% Comédia, mas aquele 1%…

Não se tem como fugir da ideia que “Love” é uma série de comédia, entretanto, o show não é alheio a questões que poderiam muito bem encabeçar os melhores dramas. Solidão, vícios, e outras patologias sociais do mundo moderno são recorrentes nos episódios, pincelados no momento certo. Já o gênero central, a comédia, é preenchida de momentos altamente constrangedores(pelos quais todos nós já passamos alguma vez), um ótimo timing cômico que permeia todo o elenco e uma pitada de humor negro nos momentos certos.

2- Pé no chão

Escrita e produzida por Judd Apatow( O Virgem de 40 anos, Ligeiramente Grávidos), a série é focada essencialmente num cotidiano realista. Esqueça títulos como “Sex and the city”, “O melhor amigo da noiva” e “O amor não tira férias”, onde dinheiro não é problema e todo mundo é bem sucedido. Em “Love”, os personagens têm contas a pagar, são cheios de defeitos e até falhas de caráter sérias, e a evolução da trama se baseia na evolução dos próprios, e não num raio divino que subitamente resolve todos os problemas. O acaso é algo que não resolve nada na trama.

3- Personagens vulneráveis e complexos.

Estrelada por Gillian Jacobs e Paul Rust(que também escreve o show), a série conta com um elenco secundário que, guardadas as devidas proporções, consegue ter mais que uma dimensão. Claro, Mickey e Gus (Jacobs e Rust) roubam a cena ao exporem pessoas com feridas abertas por relacionamentos anteriores, inseguranças e medos, que facilitam na criação de empatia com o público.

4- Episódios curtos e eficazes.

Se você está atrasado em um monte de séries e nem pensa em pegar mais uma porque não vai terminar, pode ir descartando essa desculpa. Com episódios cujas durações são em média de meia hora, “Love” vai mais te servir como um passatempo proveitoso do que um fardo que não será completado. E outra, 10 episódios de 30 minutos passam voando, não acha?

5- Um exercício de auto-conhecimento

Você não precisa ter se destruído em vários relacionamentos para gostar desta série, já que Mickey e Gus já fazem isso por você. E de bônus, você, leitor, ainda pode ganhar uma aula de amor-próprio e evitar que algumas desventuras enfrentadas por eles também aconteçam na sua vida, desde que façam as escolhas certas. É como se fosse um livro de auto-ajuda, só que legal. ;D

Pois é, o que você está esperando? Os 10 episódios já estão todos disponíveis na Netflix, e quando você der por si já terá visto todos! Deixem seu comentário sobre o que acharam do título! Abraços.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comente

Comentários

Sobre o autor

Nico

Consumindo assiduamente cultura pop, curte de tudo um pouco no universo geek. Curte cinema (não confie em quem não curte), dando preferência apenas para filmes coloridos e preto e branco. Não fala "rezistro", "célebro", nem "poblema", e tem um humor refinado (estranho). Joga regularmente Pokémon TCG.

%d blogueiros gostam disto: